Qualquer compra é acompanhada de alguma dúvida, e com perucas não é diferente. É preciso escolher entre cores, tamanhos, preços, modelos e matéria prima. Mas, para isso, é preciso também saber exatamente onde buscar informações e dicas. Pensando nisso, criamos esse post para te ajudar.

Continue lendo para conhecer os principais pontos e dicas a serem levados em consideração na hora de optar por perucas naturais ou sintéticas.

PERUCAS SINTÉTICAS:

Os principais aspectos a serem levados em consideração antes de comprar perucas sintéticas são:

  • MATÉRIA PRIMA: por não ser feita de cabelo natural, muitos consumidores acreditam que possui fios que não são resistentes ao calor e que emitem brilho excessivo, sendo necessário até mesmo o uso de talco para tornar o produto mais opaco. Porém, isso não é mais uma realidade, visto que já existem fios sintéticos que são comercializados em larga escala por serem similares aos naturais em todos os aspectos.

  • CUIDADOS: a lavagem também pode ser feita normalmente com shampoos e condicionadores específicos, e depois é possível guarda-las até mesmo em um saquinho até o próximo uso. Mais vale ressaltar que esses cuidados são referentes aos novos modelos não naturais, visto que produtos sintéticos de baixa qualidade ou que estão no mercado há muito mais tempo possuem fama de ficarem secos e frizzados com o passar do tempo, além de embaraçarem com facilidade e não serem compatíveis com calor.

  • VALOR: uma peruca sintética possui valor bem menor que uma natural, devido a matéria prima, mas isso não significa necessariamente que terá uma vida útil proporcional. Se bem cuidada, pode durar por anos.

PERUCAS NATURAIS:

Tudo que é natural automaticamente aparenta ser melhor do que o que é sintético, e uma boa prova disso são os alimentos que ingerimos diariamente. No caso das perucas, essa também é uma verdade. Mas, por envolver também um fator financeiro além do estético, há quem acabe não optando por essa escolha. Os principais pontos a serem considerados em relação a esse tipo de peruca são:

  • MATÉRIA PRIMA: como o nome sugere, as perucas naturais de fato são confeccionadas a partir de cabelo humano. Nesse caso, o processo de fabricação se inicia com a doação ou venda dos fios, possibilitando uma ótima diversidade na hora da escolha.

  • CUIDADOS: por serem fios naturais, os cuidados a serem tomados são os mesmo que os dispensados ao cabelo natural da pessoa, ou até maiores. Para que fique com um aspecto bonito, com balanço e leveza, é indispensável o uso de shampoo e condicionador específicos e, ao se fazer penteados, pode ser preciso utilizar um fixador para “segurar” por mais tempo.

  • VALOR: como tudo que é natural, esse tipo de peruca possui um valor mais elevado que a sintética, valor esse que se justifica pela qualidade do produto, pela liberdade na utilização de chapinhas e outros aparelhos que emitam calor e todos os demais benefícios.

 

A escolha entre perucas naturais ou sintéticas varia muito da necessidade e estilo de cada pessoa. Para quem gosta de mudar de visual constantemente, por exemplo, a natural pode ser a melhor opção, pois permite o uso de chapinhas, secadores e até mesmo tintura. Já para quem prefere algo prático e com valor mais baixo, sem dúvida uma sintética é melhor, principalmente por que, se bem escolhida, proporcionará o mesmo aspecto que a primeira.

Ficou com alguma dúvida em relação a esses tipos de perucas? Deixe um comentário e responderemos o mais rápido possível. Se preferir, entre em contato pelo telefone ou venha nos visitar para que possamos mostrar pessoalmente a diferença entre cada modelo 😉